.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Confissões de uma mamãe doida e Novidades!

 
Hoje, depois de dois meses de nascido o Pedro, eu confesso que passei por momentos difíceis, tanto físicos como emocionais. Primeiro, me frustrei por não ter conseguido amamentar, muita gente acompanhou aqui minhas tristezas, mas só eu sei o quanto sofri por ver meu filho chorando de fome dois dias e não conseguir amamentar. Acredito que esse fato me deixou nervosa demais e me fez bloquear ainda mais e meu leite secou muito rápido.
No começo me odiei, fulminei com pensamentos, chorei calada, mais passou, não fui menos mãe que as outras por não ter conseguido amamentar, claro, era um sonho meu, mais não aconteceu e pronto, como vários outros sonhos que tbm não se realizaram. Mas na minha vida é assim, mesmo quando dá errado, dá certo. Hoje, agradeço a Deus por ele está tomando Nan, ta crescendo bem, saldavel e muito lindo.
Aos poucos meu corpo voltou ao que era no passado, até o tamanho dos seios, a cicatriz está quase inpercipitivel e os ódios e traumas se foram.
Bom, logicamente, a conversa não termina por aqui. No hospital, eu estava meio dopada com os medicamentos para dor, o que não me impediu de dar muito amor ao meu pequeno, maaaaaas, me impediu de sentir o tamanho do "pepino" que eu estava levando pra casa, senão eu não estava sorrindo nas fotos da alta...hahahaha!!!
É bem punk mesmo essa vida de mãe, pra todo mundo é assim e todas sobrevivem, então, não se desesperem...o primeiro mês é fase de adaptação, de conhecimento, de aprendizado. Li que a gente não deve se sentir um monstro se não amar compulsivamente o neném logo que ele nasce. (Eu amei o meu desde quando descobri que tava gravisa) Lógico que a gente ama, quer o bem , cuida dele, mas às vezes a gente se pergunta mesmo se fez o certo resolvendo engravidar, se a gente nasceu mesmo pra isso, afinal ele está trazendo uma série de mudanças , tanto em seu corpo, quanto em sua vida. E isso é complicado...mas passa, e você vai amá-lo loucamente rapidinho...rs**.
Outra coisa: não pense nos outros e sim em você. Respeite os seus limites e as suas vontades. Não quer, não quer e ponto. Os outros com certeza vão entender.
Muiiiito importante também é ter um papai preparado para ajudar nos primeiros dias, tanto no apoio emocional quanto no prático, e ter, se possível, uma mulher importantes da sua vida naquele momento ao seu lado (no meu caso, minha mãe). Ela vai cuidar da casa, fazer o almoço, lavar aquela loucinha, despachar gente chata com toda finessa do mundo, e se for da vontade da mamãe, como aconteceu comigo, ajudar com o bebê, não só dando opiniões, mas tomando conta dele, olhando nos olhos dele, anotando cada movimento, enquanto a gente dorme e se acalma e refaz com o sono. E o papai também, que agora já não precisa mais tomar conta do Pedro e de mim e dorme tranquilo, porque acho muita sacanagem ficar fazendo o marido levantar toda noite, tendo que trabalhar no dia seguinte. Só aceito ajuda dele quando é extremamente necessário, já que quando o Pedro fica muito bravo, só se acalma nos braços do papai...lindos!!!
Muiiito importante também é, durante a gravidez, ler muito sobre os cuidados do bebê. Muitos livros foram úteis para entender quer dizer quando o bebe chora e para evitar coisas que o irritem, como a superestimulação. Uma das coisas que aprendi é: não é porque ele chora que está triste...rs**. É o jeitinho que ele sabe para passar seus recados. Hoje conheço cada chorinho e acerto quase sempre com ele.
Tudo voltou ao normal e sou bem melhor como mãe. Os primeiros dias é um período que passa e nunca mais volta. Por isso, devemos enfrentá-lo com calma e até, de certa forma, curtí-lo. Uma coisa que me ajudou muito e me fez voltar a dormir melhor foi o que uma amiga me disse quanto ao meu " parafuso solto" : - os bebês nascem para viver e não para morrer -. Tão simples e tão profundo, a maior verdade que eu já ouvi. Isso me fez entender que eu não preciso ficar " secando " o coitado 24 horas por dia. Ele respira sem mim, funciona sem mim, só preciso cuidar dele.
Nem sei por que estou escrevendo esse texto sem pé nem cabeça... rsrs coisa estranha!!!

Bom, vamos as novidades!

Já voltamos para casa, voltamos da casa da minha mãe no final semana passada e minha sogra veio tambem para passar uns dias. Não sei quando ela embora, então isso bagunçou a nossa rotina toda.
O xixi do príncipe já voltou ao normal graças a Deus, o resultado do exame já deve estar pronto, mais ainda não fui buscar, está tudo muito corrido aqui, Pedro está um pimentinha, não quer ficar sozinho nem um minuto. Então quando receber o resultado (provavelmente hj ainda meu marido vá buscar) coloco aqui pra vcs.
Então minhas queridas é isso, tenho varias fotos par colocar aqui, mais esqueci o cabo da maquina na casa da minha mãe. ¬¬

Beijos beijos!


37 comentários:

Jessica Roberta disse...

é amiga realmente o velho ditado vale muito

ser mãe é padecer no paraíso

ai que coisa hein,

ninguém merece a sogra na bagagem, rsrs

força ai que tudo vai dar certo

bjs

Carla ♥♥♥ღ disse...

Que linguinha mais gostosa mae...tbm tenho um certo receio de quando meu bebe nascer..sempre aparecem duvidas na minha cabeca..acho que eh normal, ja que sou mae de primeira viagem

bjinhos

Franciele Galantini disse...

Que fofinho seu filhote, adorei seu cantinho e vou te seguir beijos

Rebeca disse...

Gostei muito desse post, foi muito sincero e tocante.
Muitas vezes durante agravidez eu me pergunto se não adiantei demais as coisas, se estava mesmo na hora de engravidar. Me dói um pouco pensar assim, mas eu vi que é normal.
Ser mãe é uma tarefa difícil e a gente fica muito confusa desde antes do bebê nascer.
Obrigada pela sua sinceridade, me ajudou muito!

Beijos

Cheilinha disse...

Ele tah muito lindo.
Tbm naum abro mão de cuidar de Dudu do meu jeito.
Bjinhos.

ღ Mami Keka ღ disse...

Realmente o começo é bemmm difícil e tem mesmo esse negócio da gente se sentir perdida, amar a gente ama de cara mas se depara às vezes pensando: "o que é que fui fazer?" kkk Não é? Mas tudo passa e agora aqui tá tudo bem tbem kkk Parabens pelo filhote, ele é lindo!!!!!

(Mamãe) ~Pinel disse...

Adorei o desabafo Agnes!
Tudo de bom! =)

E bom, paciência com a sogrona, e tenta conversar com ela... ela tem de entender que vc é a mãe do Pedro e que você melhor do que ninguém sabe o que é melhor para ele!

Seu bebe tá lindo! parabéns!!!
E que bom que o xixi melhorou! Nessa horas o melhor que fazemos é ficar calmas!

Beijo! Continua mandando notícias sempre que der! E, bom, aproveita a presença da vovó pra poder descansar um pouco e abusar dela também! hehehe

Manu Paz disse...

Oi queridinha... Primeiro lugar já estava com saudade do seu cantinho aqui... Entendo perfeitamente seus sentimentos, até porque vc acompanhou pelo meu blog, meu sofrimento por que não amamentei minha bebê. Mas é isso aí... A vida está aí e precisamos seguir em frente, pedir a Deus força para criarmos nossos filhos que tanto dependem de nós.
Ah nem me fale em sogra viu... Eu tô sofrendo horrores com isso... Tá palpite em tudo e faz questão de discordar de mim. Mas hj nem tô ligando mais, mas te confesso q tá sendo dificil. Até o momento (antes de Sophia nascer) eu gostava muito dela, muito mesmo. Mas de 3 meses pra cá, minha admiração por ela só diminui a cada dia. É uma pena!
Pedro tá lindoooo...

Abraços...

Marcella disse...

Amiga.. é bom saber... afinal n é facil ter uma novidade assim... de uma vez.. e imagina eu com 2..rsrsrs... mas a gente se adapta a tudo neh...
Bjao!

Anna Carolina Menta disse...

Não tem nada de sem pé nem cabeça no que vc escreveu.... eu achei lindo,excelente e um baita incentivo pra mim. Talvez eu tenha que fazer cesárea,estou morrendo de medo... mas vendo como vc lidou com tudo,me dá mais força e coragem. Obrigada!! bjos

Flavia Guedelha disse...

Amei seu post. Não me sinto sozinha...rs.
Passamos por algumas situações parecidas, como você mesmo já tinha comentado.
Eu gosto muito da minha sogra, mas ela gosta de se meter um pouquinho. Sugeriu, inclusive, pra quando eu quisesse sair, deixar a Ana que ela prepararia um mingau de aveia pra menina. A Ana tem um mês, apenas.
Não tem jeito, nossa mãe é nossa mãe, né?!

Rosangela disse...

Agnes vim retribuir a visita ao meu blog e dizer que seu Pedro Henrique eh muito lindo! Estou torcendo pra q o exame dele nao de nada. Ele e Alice estao com 2 meses parabens pros dois!!!
Bom nao sou mae de primeira viagem mas vou te falar, foi punk do mesmo jeito KKKKKKK bb consome a gente d+, como eu ja sabia descansei bastante na gravidez e mesmo assim me senti exausta. Por mais ajuda que temos nos sentimos como que se fossemos a unica a cuidar bem do bb e nao delegamos tarefas kkkkk
Nao consegui amamentar o Gustavo tambem nao e fiquei muito triste, mas procurei alimenta-lo com mais amor ainda e hoje ele ta aqui, cheio de saude e aborrecente KKKKK
Bjim
Rô, Gu e Alice :@
Ah ja to te seguindo.

Jéssica Araújo - Gravidíssima disse...

kkkkk, amo a minha sogra, mas ela na casa dela e eu na minha, kkkk
que bom que o xixizinho dele tá normal de novo!
Beijooo

Mamãe Cláudia disse...

Olá, amiga...
Que bom que tudo está se ajeitando, mas sogra deve ser um pé no saco,mesmo... risos...
Ainda bem que eu não tenh...hahaha...
Tá linda essa fotinha do Pedro... ameiiiiiii
bjokas

Kel disse...

Adorei esse post...

Realmente são muitas mudanças de um dia pro outro, a nossa vida simplesmente gira em torno dos pequenos e nada mais.....
É muito bom sim ter a mamãe por perto (a nossa) as do marido pode ficar bem longe huauauauauau

bjs doces

Mamãe Tah disse...

Oie flor,
vixiii to sumida daqui neh?! desculpe... leio as atualizaçoes mas a preguiça de comentar é cruel! rs
vixiiii q cara de sapeca esse menino está! rs ele tá tão grandão! Nem parece que está com 2 meses, parece q tem bem mais!
Vixiii sogra é um assunto complicado, todas as mamães encrencam com sogras palpiteiras, kkkkkkkkkkkkkk e engraçado q todas são iguais mesmo! rs
Q o tempo passe rapido por ai,... rs

bjinhus flor

Flavia Guedelha disse...

Eu tenho usado a Hipoglós amendôas. Gosto dela, mas o que fez a diferença mesmo foi a Maizena.

Carol Carvalho disse...

Ai amiga, tbm me pego nesses pensamentos as vezes... Ser mãe é maravilhoso, mas n é nada fácil...
Só quem vive o momento é q sabe..
Adoro vcs
bjos

Paty Fortunato disse...

Amiga,

Só nos "mães" sabe exatamente o que é ser mãe!
A maternidade tem seus altos e baixos, tem sua idas e vindas...
A maternidade tem seu lado bom, e também seu lado mal!(assim como tudo na vida).
Já fiz um post no meu blog sobre isso,a um tempo atrás.

Amo ser mãe,é bom né? rs

Parabéns por já está tão em forma.
Eu não posso dizer o mesmo rs...mais chego lá.

Beijocas!

Paty Fortunato disse...

Amiga,

Só nos "mães" sabe exatamente o que é ser mãe!
A maternidade tem seus altos e baixos, tem sua idas e vindas...
A maternidade tem seu lado bom, e também seu lado mal!(assim como tudo na vida).
Já fiz um post no meu blog sobre isso,a um tempo atrás.

Amo ser mãe,é bom né? rs

Parabéns por já está tão em forma.
Eu não posso dizer o mesmo rs...mais chego lá.

Beijocas!

Manu Paz disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Confissões de uma mãe de primeira viagem disse...

doida nada amiga, vc escreveu tudo certissimo...a vida de mãe é assim mesmo,agente pensa que é fácil quando estamos grávidas,depois vamos achando tudo estranho, diferente,mas com o tempo a rotina, tudo se ajusta e tiramos tudo de letra...
e que foto linda do Pedro,muito sapequinha
bom saber que ele esta bem..
bjinhus

Lais disse...

Ser mãe não é sempre as mil maravilhas né, a gente sempre acaba passando por apuros, por falta de experiência ou por falta de sorte mesmo. Também tive problemas com amamentação, meu bebê não queria mamar de jeito nenhu. Chorei muito, me senti inutil e me questionei se seria uma boa mãe. Graças a Deus essa fase passou e hoje meu filho também está com o NAN (já com o NAN 2!) e super saudavel!

Beijos pra vc e pro filhote!

Aline super na Paz disse...

Adorei o texto...
me ajuda muito ouvir a experiências de algumas mamães que já passaram o que em breve vou passar.

Boa sorte com o bebê e eu sei que vc consegue!Deus é contigo para te capacitar!

(Mamãe) ~Pinel disse...

Oie! Tem selinho pra você lá no blog!


=**

Carla ♥♥♥ღ disse...

Flor me manda um email porque irei privar o blog e quero te mandar um convite

carla.maciel05@gmail.com...

Daqui alguns meses meu bebe ira nascer, quero mais seguranca para poder postar fotos nossas...

beijos

Pati disse...

Pois eh... com a maternidade nascem as expectativas de mae... rs e te falo que muitas alegrias virao... sao mais alegrias do que tristezas... pode acreditar!!!!!
bjokas

- Anine Pinheiro - disse...

obg pelo parabéns e parabéns pela coragem em escrever. Eu tb passei por tudo isso mas me condenei pelos meus sentimentos e nunca comentei com ngm. Hj sim, tô curtindo demais meu pequeno, mas já teve dias q eu pensei q tinha precipitado as coisas.

Beijos e obg pelo carinho.
Pedro sempre lindo

Vanessa Datrino disse...

Olá! Encontrei vc na net e gostaria de te apresentar meu trabalho!
Ficarei muito feliz com a visitinha!
Ah! E tem sorteio de convites por lá!
Bjinhos,
Vanessa Datrino
www.datrinodesign.blogspot.com

Manu Paz disse...

Agnes, vc conseguiu ver meu msn? Abraços... Obrigada por votar, ela estará concorrendo até o dia 05 de setembro...

Bjos

Luna disse...

Agnes, você descreveu perfeitamente esses primeiros dias, que não são fáceis, mas que passam tão rápido que depois chegamos sentir saudade!
Quanto à sogra, também sou solidaria com você, ninguém merece, rs...
O príncipe tá lindo e super esperto.

Bjinhos

Luna e Felipe

val maria; disse...

adorei seu post. ajuda a acalmar essa mente prestes a explodir de tanta ansiedade e incertezas. :~

beijos!

blog da vi disse...

Oi amiga,,o Pedro está cada dia mais lindo,passa no meu blog tem ums elinho pra vc..
bjs,

Dina disse...

Que delicia de menino.

Amiga frustaões smepre aparecem, não existe menos mão quando há amor, dedicação. Vc com ctz é uma excelente mãe e sempre será!

Bjs em vcs

Pâm disse...

Florzinha, saudades... esses sentimentos vão sempre aparecer na nossa vida de mãe... é muito amor, não admitimos falhas... embora elas sejam inevitáveis vez ou outra... creio que com o tempo vamos aprendendo a lidar com isso...

Filhote está lindoooo...

Beijos

Anna Carolina Menta disse...

Amigaaaa... muito tempo sem atualizar o blog, cadê as novidades???? E as fotos novas do seu gatão?? rsrsrs beijos

An@ Paul@ disse...

AINNNN florzinha... sei que vc já postou a dias esse textão aki, MAS EU NÃO CONSIGO MAIS TEMPO DE LER, UIAAAAAAAAAAAA.....

mas não tinha melhor hora para eu ler ele e dizer que adoreiiii e que é bem assim mesmo, é uma entrega total, no qual não precisamos deixar de viver e devemos sim, até curtir o momento!!! são momentos mágicos, únicos, inesquecíveis e passam rápido, por isso devemos ter toda paciência do mundo e tentar viver as frustações e alegrias da melhor forma possível!

hahahaha, flor, manda a sogra pro nordeste (espero q seu marido não me leia, kkk)....

Big beijs em ti amiga querida, e nesse "rapazão" q ja ta virado num homenzinho...Olha essa foto, q coisa mais gudi!!!!!ta loco meu, vontade de morde-lo todinho! hehe, PS: mas agora eu tenho o meu tbm para morder, rsrsrsrs...

BJS BJS BJS